Vodafone e IBM firmam parceria para lançar serviço empresarial de ‘cloud’ privada em Portugal – Jornal Económico

A Vodafone fechou uma parceria com a IBM para o lançamento de um novo serviço do operador de telecomunicações, que permitirá aos clientes do segmento empresarial o armazenamento de dados em cloud. O ‘virtual private cloud’ permitirá à Vodafone Portugal oferecer uma cloud privada, cuja infraestrutura é disponibilizada e está alojada num centro de dados da IBM, em Portugal, foi esta terça-feira anunciado.

Num comunicado conjunto, é referido que o novo serviço “proporcionará a escalabilidade, eficiência e segurança” que as empresas nacionais precisam “para acelerar a sua transformação digital”, numa altura em que o tecido empresarial aumenta a utilização de “serviços e tecnologias baseados na cloud“.

Ambas as empresas apontam a parceria como uma forma “relevante” de apoiar as pequenas e médias empresas (PME) portuguesas a “transformar digitalmente as suas operações”, de forma “flexível e financeiramente competitiva”, ao mesmo tempo que torna um ambiente de trabalho em cloud “seguro”. Isto, tendo em conta que 40% das PME ainda não investiram na transformação digital das suas operações e, segundo um estudo da COTEC Portugal.

O administrador para o segmento empresarial da Vodafone Portugal, Henrique Sacadura Fonseca, considera que todas as empresas a enfrentar “enormes desafios ou a responder a um novo paradigma laboral e operacional”. Nesse sentido, o recurso a tecnologias e a novos serviços tecnológicos é “um factor de diferenciação”, por promover “agilidade, segurança, inovação, escalabilidade e redução de custos” às empresas.

O global technology services leader da IBM Portugal, João Eduardo Fonseca, por sua vez, explica que a oferta assegurada pela tecnológica de origem norte-americana é “mais um passo importante no âmbito do compromisso ativo” da IBM “na disponibilização de ofertas inovadoras de cloud ao mercado português”.

Ao abrigo da parceria com a Vodafone, a IBM também vai disponibilizar um portal de self-service, onde as empresas poderão executar e gerir os seus workloads,  um conjunto de ferramentas de automação e monitorização, bem como serviços de cibersegurança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *