Claro, Vivo, Tim e Oi são notificadas sobre vazamentos de dados – Tudo em Tecnologia – Tudo em Tecnologia

blank

Recentemente, as operadoras de telefonia móvel – Claro, TIM, Vivo e Oi – foram acusadas de causar vazamento de dados de 102.828.814 de contas de celular. De acordo com o que foi revelado, essa ação foi descoberta no último dia 10 de Fevereiro pela PSafe, empresa de cibersegurança especialista na área.

Após essa confusão, autoridades brasileiras estão investigando o caso, buscando respostas sobre o ocorrido. Inclusive, o próprio Ministério da Justiça notificou as empresas, cobrando explicações desse vazamento. E uma resposta concreta precisa ser feita em no máximo 15 dias.

No caso de comprovação desse vazamento de informações, as operadoras brasileiras serão obrigadas a pagar uma multa que pode chegar em 60 milhões de reais. Curiosamente, uma das vítimas do ataque foi o presidente Jair Bolsonaro, que teve dados vazados como minutos de ligações por dia, número de celular, filiação e dados pessoais como CPF e data de nascimento.

blank
As operadoras Vivo, TIM, Claro e Oi foram notificadas sobre o vazamento de 103 milhões de contas de celular. Segundo consta, elas tem até 15 dias para responder sobre a ação.

Veja também:

Em investigações, a PSafe descobriu que o hacker vive fora do Brasil. Além disso, está utilizando bitcoin para vender vender registros por 1 dólar. Mas infelizmente, sua localização exata ainda não foi descoberta pelos rastreadores.

Cientes da situação, as operadoras alegaram em uma reportagem para a revista VEJA que não possuem nenhum tipo de envolvimento com esse vazamento de dados. Além disso, elas disseram que pretendem trabalhar em conjuto com as autoridades para que tal situação seja resolvida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *